Bolsonaro ataca a China, cancela acordo feito por Pazuello e diz que não comprará vacina chinesa

Bolsonaro ataca a China, cancela acordo feito por Pazuello e diz que não comprará vacina chinesa

No mais duro ataque à China, maior parceira comercial do Brasil, e na maior prova de submissão aos interesses de Donald Trump, Jair Bolsonaro cancelou o acordo firmado pelo Ministério da Saúde para a compra de 46 milhões de doses da CoronaVac. “Alerto que não compraremos vacina da China”

“Alerto que não compraremos vacina da China. Bem como meu governo não mantém diálogo com João Doria sobre covid 19″, afirmou Bolsonaro a ministros, de acordo com reportagem do Poder360.

Com a decisão, o governo desautoriza o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, que assinou o protocolo para a aquisição das doses nesta terça-feira (20).

Fonte:Brasil247

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *